Inscreva-se em nossa Newsletter:

 

 

Auditoria de frete: os problemas mais comuns e como lidar

A auditoria de frete é a atividade responsável pela conferência das faturas enviadas pelos transportadores — com a cobrança dos serviços que foram realizados em determinado período. O objetivo é identificar qualquer divergência que possa haver.

Entretanto, por mais que o processo seja bem estruturado e planejado, sempre está sujeito à incidência de falhas. No artigo de hoje vamos apresentar os principais problemas que podem ser encontrados durante essa auditoria. Continue conosco e confira!

1. Erro no cálculo

Esse é um dos problemas mais comuns encontrados na auditoria de fretes. Nesse caso, a cobrança do frete pode vir tanto maior quanto menor do que o correto, e o principal problema disso é que a transportadora ou sua empresa podem arcar com prejuízos financeiros.

Nesses casos, a falha deve ser sinalizada e a fatura deve ser enviada novamente para que o prestador do serviço faça a correção e envie o documento com os valores corretos para o pagamento.

2. Cobrança em duplicidade

Já nesse caso, a transportadora envia a cobrança de um mesmo serviço duas vezes para a empresa. O motivo disso pode ser a falta de um controle rigoroso sobre as cobranças já enviadas.

A consequência, assim como no caso do erro no cálculo, é prejuízo financeiro para sua empresa, que pode acabar pagando um valor maior do que o devido.

3. Problemas com as tabelas de frete

O processo de criar e implementar tabelas de frete já é bastante complexo, principalmente pelo fato de as transportadoras usarem variáveis diferentes para formar o preço do serviço de transporte.

O problema surge quando, por algum motivo, essas tabelas apresentam falhas e realizam um cálculo incorreto. Nesse caso, existem duas situações:

  • a transportadora pode fazer uma cobrança errada;
  • a empresa pode ter problemas para realizar a auditoria de fretes — haja vista que, com os dados imprecisos, impossibilita uma conferência exata dos valores repassados.

Esta é uma das adversidades mais graves, já que pode levar bastante tempo até que a inconsistência seja identificada e mais tempo ainda para corrigi-la e solucionar a situação.

4. Cobrança de serviços que não foram prestados

Este também é um problema bem comum no que diz respeito à auditoria de fretes: a cobrança de serviços que não foram prestados. Ele pode surgir em decorrência de uma falha na transportadora em organizar as cobranças.

Caso haja dúvidas a respeito de determinada fatura, o ideal é retornar a cobrança para o prestador de serviços responsável e solicitar o comprovante de entrega referente ao transporte que está sendo cobrado.

Assim, se a cobrança for indevida, a transportadora deve retirá-la do montante enviado.

Como podemos ver, existem situações que podem acontecer na auditoria de fretes e que revelam falhas no processo de cobrança. Sendo assim, pode-se dizer que este monitoramento e controle é fundamental para evitar que sua empresa arque com custos que não foram verdadeiramente gerados, ou que seus fornecedores de transporte não tenham prejuízos operacionais — o que pode acarretar a queda do desempenho no longo prazo.

Ah, se quiser aprender muito mais, clique na imagem abaixo e faça o download deste incrível e-book.

Contratar o Frete com Segurança

Gostou do post? Então aproveite para assinar a nossa newsletter e continuar por dentro de outros artigos relacionados à logística!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gerenciamento de Transporte para Embarcadores