Inscreva-se em nossa Newsletter:

 

 

Controle de estoque: 5 dicas para ter maior eficiência

Um dos fatores essenciais para uma empresa aumentar a lucratividade, reduzir custos e melhorar o atendimento dos clientes é realizar um bom controle de estoque.

Muitos empresários enxergam o estoque como um capital empregado parado. Mas, ao contrário disso, o estoque é necessário para uma empresa, pois tem como objetivo garantir o abastecimento da produção e armazenar os produtos para venda.

Portanto, é importante manter uma rotina de planejamento e organização. Confira a seguir algumas dicas para manter o seu estoque cada vez mais eficiente.

1. Faça a gestão da demanda

A gestão da demanda é de suma importância para um controle de estoque efetivo. Desse modo, para evitar faltas ou itens parados em excesso, muitas empresas realizam a previsão da demanda em conjunto com as áreas de marketing, comercial e planejamento. No entanto, ela poderá oscilar por diversos fatores como: preço, concorrência, fatores climáticos. entre outros.

Para que o negócio não seja impactado negativamente, é necessário realizar análises e verificar dados históricos para estabelecer quais itens são essenciais para produção e para as vendas e mantê-los sempre em estoque de segurança.

2. Padronize seu estoque

Para ter uma maior agilidade em buscar os itens no estoque, é preciso o mínimo de organização. Para que isso aconteça, é importante criar um método de padronização na descrição e classificação dos produtos. Desse modo, você evitará furos de estoque com informações de materiais cadastrados com o mesmo nome ou que o material seja cadastrado mais de uma vez.

Crie categorias e códigos exclusivos para cada produto, assim será mais fácil organizá-los e você ainda terá uma maior eficiência no controle.

3. Crie zonas para separação dos produtos

Se o seu estoque tiver variedades de produtos, é importante separá-los por zonas para facilitar o processo de movimentação. Como por exemplo: deixar os produtos que têm maior saída mais acessíveis e próximos da porta do estoque.

É interessante manter um funcionário responsável por cada zona, isso ajudará na hora de fazer o inventário e proporciona um melhor controle dos produtos.

4. Faça inventários com frequência

Imagine uma situação em que o comercial consulta o estoque e vende um determinado produto para o cliente, mas, na hora da separação, a área de logística identifica que esse produto não está disponível no estoque.

Para evitar esse tipo de problema e outros, é fundamental realizar inventários cíclicos por categoria de produtos e, uma vez por ano, executar um inventário geral, pois o físico precisa ser igual ao contábil, caso contrário a empresa correrá o risco de ser autuada.

Os inventários também são necessários para identificar possíveis faltas ou outras não conformidades que podem afetar a operação.

5. Implante um software de gestão

Para que as informações e controles sejam cada vez mais eficientes, é importante implantar um software para realizar a gestão do seu estoque.

Com isso, você terá relatórios com informações como: o tempo que um determinado produto está em estoque, nível do estoque, giro de estoque, entre outros. Essas informações auxiliam na tomada de decisões para o negócio.

Conhece mais algumas dicas de controle de estoque? Compartilhe, deixe seu comentário no post!

Comentários (2)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gerenciamento de Transporte para Embarcadores