Inscreva-se em nossa Newsletter:

 

 

Embarcador: 5 dicas para economizar no seu seguro de carga

Proporcionar segurança ao cliente que necessita de um frete é fator determinante para a escolha de quem será contratado. A área de transportes corre riscos diários em relação a roubos de carga, avarias, acidentes e diversos outros. É imprescindível que você, embarcador, garanta ao seu cliente a segurança desejada. Isso só pode ser feito por meio de um seguro de carga.

Muitas vezes, os profissionais da área não querem adicionar o custo de um seguro de carga em sua operação. Afinal, já existem tantas taxas e impostos obrigatórios para o negócio que decidem contar com a sorte. Mas, caso ocorra algum incidente, os custos podem ser ainda maiores, trazendo um grande prejuízo para a empresa.

Quer descobrir como economizar na contratação de um seguro de carga? Continue lendo e veja algumas dicas.

1. Crie um gerenciamento de riscos

Antes de o incidente acontecer e para saber exatamente no que você deve estar assegurado, mapeie seus riscos. Com essas informações, será possível descobrir onde se encontram os maiores problemas de suas operações, qual região de entregas oferece maior risco, quais cargas a serem transportadas oferecem mais perigo de roubo, entre outros fatores. Como diz o ditado, melhor prevenir do que remediar.

2. Aposte em um serviço de monitoramento de veículos

Ter o controle de localização em tempo real de sua carga trará maior segurança ao seu processo. Com o acompanhamento do transporte, o tempo de reação caso algum imprevisto ocorra será maior. Dessa forma, os danos podem ser reduzidos.

Na ocorrência de algum roubo, por exemplo, será possível localizar o veículo de forma mais rápida, o que faz com que a apólice do seguro de carga tenha um menor custo.

3. Reavalie sua apólice regularmente

Os valores das apólices se diferenciam de acordo com dois fatores: a região atendida pelo embarcador e o tipo de mercadorias que estão sendo transportadas. O negócio de transportes é dinâmico e muda a cada momento. Por esse motivo, a avaliação regular da apólice pode trazer reduções de custos.

Esses fatores serão determinados pela estatística sobre determinada região ou tipo de carga. Mercadorias eletrônicas e alimentícias têm altos índices de ocorrências de roubo, enquanto mercadorias de autopeças ou produtos têxteis têm menor índice. Seguindo a mesma lógica, a região de São Paulo alcança níveis elevados de roubo, enquanto na região do Paraná, eles são menores.

4. Procure o seguro de carga que mais se identifique com o seu negócio

A escolha do seguro de carga deve ser estratégica e bem analisada. As corretoras oferecem uma cobertura básica e, a partir do aumento de valores, é possível contratar adicionais, que fazem o seguro estar mais específico em relação ao seu negócio. Ao fechar o contrato, verifique cada linha e analise quais coberturas são necessárias, escolhendo a que mais se identifica com os serviços que você presta.

5. Preste atenção nos tipos de apólices

Existem basicamente três tipos de apólices: as avulsas, que são feitas para cargas especificas e duram poucos dias, as apólices simplificadas, que são as mais comumente escolhidas, têm prazo anual e são pagas antecipadamente, e as apólices abertas, que são pagas após o risco decorrido, com os valores ajustados mensalmente.

Se você já tem clientes com rotas e mercadorias fixas, a melhor escolha seria a apólice aberta, visto que os valores podem ser recalculados de acordo com a mercadoria. Para fretes fracionados e empresas sem clientes fixos, a apólice que mais se encaixa é a avulsa, já que a operação ocorrerá apenas uma vez.

Ter um seguro de carga não deve ser visto como um mal necessário, mas sim uma forma de criar vantagem para o seu negócio. Com esse benefício, a sua empresa terá maior credibilidade no mercado, trará mais segurança e poderá evitar prejuízos.

A escolha do seguro de carga deve, porém, ser feita cautelosamente e de forma estratégia e deve ser acompanhada rigorosamente. Os contratos de seguro são extensos, porém, ao analisar as entrelinhas, pode ser que você encontre algumas reduções de custos e traga maiores benefícios para seu negócio.

Gostou do conteúdo? Quer conhecer mais sobre Logística Integrada e possibilidades de redução de custos? Baixe, agora, nosso e-book e torne-se um especialista!

gestão de logística

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gerenciamento de Transporte para Embarcadores