Inscreva-se em nossa Newsletter:

 

 

Quer evitar roubos de carga? Veja essas 4 dicas

Além das péssimas condições das estradas, congestionamentos e altos custos de transporte, as operadoras e transportadoras brasileiras ainda precisam enfrentar outro grave problema: o roubo de cargas.

Estima-se que, no mundo todo, o custo dos roubos de carga já ultrapassem os 97 bilhões de reais anuais, sendo 1 bilhão apenas no Brasil. Números que cresceram 48{2b95a91ecaad163f7d21fe3d5d2446b4da285fb5f876e03b6a9d6805ecc7482e} nos últimos 5 anos, em especial no estado de São Paulo, que concentra sozinho mais da metade das ocorrências de roubos.

Pensando na importância desse assunto, separamos 4 dicas que vão ajudar a evitar roubos de carga. Acompanhe!

1. Torne o acesso às mercadorias restrito

Cerca de 42{2b95a91ecaad163f7d21fe3d5d2446b4da285fb5f876e03b6a9d6805ecc7482e} das abordagens ocorrem durante a entrega da mercadoria e, portanto, esse é o maior ponto de vulnerabilidade para a empresa e oportunidade para os ladrões.

Para reduzir o risco, promova uma restrição para o acesso às áreas de envio e recebimento e certifique-se de que todos possuam identificação adequada e que precisam realmente estar lá. Se o caminhoneiro não está envolvido no processo de carregamento, por exemplo, ele não deve ficar na área.

2. Treine a equipe para lidar com roubos

Durante uma tentativa de roubo, os motoristas geralmente são os primeiros a serem abordados. Por isso, é importante que eles saibam como agir nessas situações para garantir sua própria segurança e ajudar na recuperação da carga e identificação dos assaltantes.

Ofereça treinamentos básicos de segurança para funcionários e motoristas e ensine-os boas práticas para prevenir incidentes. Com uma equipe prevenida e preparada, os incidentes costumam ser reduzidos de maneira significativa.

3. Tome medidas para evitar roubos de carga internos

Adote rotinas de inspeção para identificar possíveis vulnerabilidades na segurança e garantir que a mercadoria não seja deixada sem vigilância por longos períodos de tempo. Se os itens forem paletizados, envolva-os com um lacre para dificultar quem queira obtê-los ilegalmente.

Utilize selos que são difíceis de fechar novamente depois de violados, por exemplo. Assim, ficará mais difícil para os ladrões esconderem o que fizeram. No caso de um caminhoneiro trabalhar com um funcionário do armazém, essa medida pode ser extremamente eficaz. Considere, também, implementar sistemas de segurança eletrônica e de vigilância para monitorar movimentos no local.

4. Estacione as cargas em lugares seguros

As empresas devem limitar onde os motoristas são autorizados a parar em suas pausas, uma vez que existem alguns locais que oferecem um risco maior de roubo. As companhias devem estar cientes das paradas de descanso mais seguras, a fim de garantir a segurança do condutor e da carga.

Alguns elementos devem ser considerados na hora de escolher uma parada de caminhão segura. Dê preferência a lugares com boa iluminação, movimento de pessoas e estacionamento nas proximidades. Ao estacionar, oriente os motoristas a buscar sinais de atividades suspeitas que possam ocorrer enquanto ele está ausente e relatar o que ele vê em tempo hábil.

Trancar as portas, remover as chaves do veículo e inspecionar as peças em busca de quaisquer sinais de adulteração também são hábitos básicos de segurança, que devem ser passados aos condutores para evitar roubos de carga.

O que achou deste artigo? Agora que você já sabe como manter sua carga segura, continue com a gente e aprenda como fazer monitoramento de carga da forma correta!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 5 =

Sistema de Gerenciamento de Transporte para Embarcadores