Inscreva-se em nossa Newsletter:

 

 

Quais são os principais tipos de modais de transporte de carga?

Os modais de transporte de carga existem em todo o mundo, afinal, é um meio necessário para que as cargas sejam distribuídas, para que a população tenha acesso aos mais variados produtos.

O Brasil é um país que depende muito do transporte terrestre para fazer essa distribuição. As mercadorias distribuídas via transporte terrestre são levadas tanto para dentro do país, quanto para o exterior.

Em 2018, cerca de 60% das mercadorias que temos acesso foram transportadas dessa maneira. Por isso, as rodovias são o principal caminho para esse trabalho.

Tal realidade tem impactado em outros tipos de modais, pois eles não são tão bem aproveitados. 

Isso acontece porque o transporte terrestre oferece custos mais baixos, se comparado às outras possibilidades.

No entanto, trata-se de uma decisão estratégica, que necessita de informações confiáveis para decidir qual o melhor modal a ser utilizado.

Isso ressalta a grande necessidade de se conhecer quais são as outras possibilidades existentes e as vantagens oferecidas por elas. Mesmo porque, depender de praticamente um único tipo de distribuição, pode impactar a sociedade.

Neste artigo, vamos apresentar uma definição do que é modal de transporte de cargas, sua importância e quais são as opções disponíveis hoje.

O que é modal de transporte de carga?

Modal de transporte de carga é a maneira pela qual a logística de pessoas e produtos é feita. Ela pode ocorrer pelas rodovias (principal no Brasil), pela água, ferrovias, dutos  e pelo ar.

Cada tipo de modal gera um grande impacto na economia do país. Além do mais, a maneira como ele é feito, está diretamente relacionada à produção e consumo. 

Além disso, existem diversas modalidades para definir os tipos de transportes, que são: unimodal, intermodal e multimodal.

No unimodal, apenas um meio para transporte é utilizado. Uma transportadora de carga refrigerada sp, por exemplo, pode usar apenas caminhões.  

Um transporte é classificado como intermodal quando acontece uma mudança na modalidade em determinada parte do trecho. Para cada modal ou trecho, é feito um contrato próprio. 

Por fim, no multimodal, diferentes tipos de modais de transporte são utilizados, mas com um único contrato.

Sabendo disso, também é essencial entender qual a relevância desses modais de transporte de cargas.

Importância dos modais de transporte de cargas

Ter um bom planejamento logístico é fundamental para trazer mais resultados para uma empresa, bem como o sucesso das ações realizadas.

Devido ao fato de cada modal apresentar suas particularidades, é indispensável que os gestores entendam o tema e as opções disponíveis, para escolher aquela que melhor atende às suas necessidades.

Quando se conhece os diferentes tipos de cada transporte, a empresa tem em mãos a possibilidade de diversificar sua distribuição, avaliando o impacto e o benefício da opção escolhida.

Para que isso seja possível, é necessário, por exemplo, que uma empresa que forneça materiais para aterro industrial, analise de maneira intensa os custos. Além disso, ela precisa avaliar:

  • Características da carga;
  • Riscos operacionais;
  • Restrições dos clientes;
  • Prazos.

Todos esses pontos, bem como alguns outros, que apresentaremos a seguir nas vantagens dos modais de transportes de cargas, são importantes para o sucesso da operação. 

Isso ajuda a organizar melhor os processos de entrega, garantindo que a mercadoria chegue ao seu destinatário com segurança e em perfeito estado.

Para isso, o gestor precisa ter acesso a todas as informações que o ajudarão a tomar decisões eficientes e assertivas. 

Sendo assim, vamos conhecer os principais tipos de modais de transporte de cargas e seus benefícios.

Tipos e vantagens dos modais de transporte de cargas

Uma empresa fabricante de bau sider para caminhão truck pode utilizar os mais diversos tipos de modal. Isso pode variar de acordo com diferentes fatores, como a distância, local de entrega, fragilidade da carga, prazos, entre outros. 

Dentre os principais tipos usados no Brasil estão:

1 – Modal de transporte ferroviário

O modal de transporte de cargas ferroviário é uma excelente opção quando há necessidade de transportar cargas de grandes volumes. Além disso, também é interessante para locais fixos de longa distância.

Dentre os principais tipos de produtos transportados pelo modal rodoviário estão produtos agrícolas, siderúrgicos, derivados de minério de ferro e de petróleo, etc.

Esse tipo de transporte tem muitas vantagens, como o baixo custo. Isso acontece porque os combustíveis são mais baratos e possuem taxas menores.

Outra vantagem que faz com que muitas empresas escolham o modal ferroviário, é o fato dele ser extremamente seguro. 

Isso significa mais segurança tanto no que diz respeito ao risco de roubos, como também em riscos de acidentes.

Para empresas que não precisam de muita flexibilidade relacionada a rotas, e que dispõem de outros meios de transporte para completar a entrega, podem contar com o modal ferroviário tranquilamente.

2 – Modal de transporte de cargas rodoviário

O modal de transporte rodoviário de cargas é o mais usado no Brasil. Ele pode ser feito por veículos comuns e caminhões, e é por isso que a maioria das empresas prefere essa opção.

Além disso, ele pode, ao contrário do ferroviário, optar por diferentes rotas que facilitam e agilizam a entrega. 

Também possui preços mais competitivos em relação à grande variedade de mercadorias que pode carregar.

Dentre as principais vantagens do modal de transporte de cargas rodoviário, está o fato de que ele recebe muitos incentivos governamentais.

Também possui um modelo de contratação muito mais rápido e fácil, com pouca burocracia para a emissão de documentos necessários.

Mas sua principal vantagem é a acessibilidade, já que é um meio de transporte que pode chegar a lugares mais distantes. Por isso, no Brasil, ele é usado para transportar cargas dentro e fora do país.

É ideal para muitas empresas, como fornecedoras de ferragens para construção civil, que arcam com despesas como os combustíveis e pedágios. 

Vale ressaltar a importância da atenção para o limite de pesos, conforme legislação vigente.

3 – Modal de transporte hidroviário de cargas

O modal de transporte hidroviário de cargas, também conhecido como modal de transporte marítimo, tem a capacidade de transportar um alto volume de cargas.

Além disso, pode percorrer longas distâncias, desde que a carga esteja bem armazenada e que não haja necessidade de urgência na entrega.

Trata-se de uma opção que pode ser usada juntamente com outros modais, como o rodoviário, para garantir o sucesso da entrega.

Dentre suas principais vantagens está o baixo risco de roubos, furtos e avarias, ou qualquer outro prejuízo que possa vir a atingir a carga. Além disso, possui baixo custo de frete.

É ideal para empresas como fabricantes de tubo metalon, que geralmente não precisam de urgência na entrega, lidam bem com questões burocráticas de documentação e desembaraço de cargas.

4 – Modal de transporte dutoviário de cargas

Este tipo de transporte é feito por meio de dutos, que podem ser aparentes, subterrâneos ou submarinos. É usado apenas para o transporte de gases, granulantes e fluidos líquidos.

Dentre suas principais vantagens, está a permissão do envio para longas distâncias, baixo custo operacional, além de segurança e confiança no transporte.

5 – Modal de transporte aeroviário de cargas

O modal aeroviário de transporte de cargas é muito utilizado por empresas, como fabricantes de vigas de aço para construção civil que precisam de agilidade na entrega, principalmente de longa distância.

É comum, também, que seja utilizada por empresas da indústria alimentícia, por trabalharem com perecíveis. Além do mais, é um modal muito utilizado para o transporte de mercadorias de alto valor.

Essa opção é muito ágil, porque não sofre influência de fatores como questões geográficas e trânsito.

Além disso, quando uma fabricante de bobina de papelão ondulado escolhe o transporte aeroviário, tem acesso a aeroportos localizados em grandes centros urbanos.

Isso acaba por garantir prazos de entrega mais curtos e pouca movimentação de carga durante todo o processo.

É indicado, também, para empresas que transportam cargas dentro de um limite de peso e tamanho pré-estipulados. A quantidade é, ainda, limitada para garantir a segurança do transporte.

Além disso, também é indicado para empresas como fábrica de uniformes, que podem contar com outros modais durante o trajeto, como no caso de caminhões, trens ou navios.

Conclusão

O transporte de cargas é fundamental para que os produtos cheguem às mãos dos consumidores. Por isso, existem opções diferentes de meios de transporte para que isso seja possível.

Aliás, muitos produtos também precisam chegar em outras empresas, para que maior parte do que consumimos possa ser fabricado. Por isso, é importante que os gestores conheçam cada modal de transporte de cargas.

Dessa forma, é possível escolher aquele que mais tem a ver com a necessidade de cada empresa, facilitando não apenas o transporte, como também garantindo a segurança das cargas e o sucesso das operações.

Com tantas opções, é fácil encontrar aquela que melhor atenda cada empresa, garantindo o melhor processo de transporte de cargas. Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gerenciamento de Transporte para Embarcadores